• (31) 3839-3600
  • Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

História

A Fundação Comunitária de Ensino Superior de Itabira-FUNCESI, com sede em Itabira, Estado de Minas Gerais, foi criada em 5 de outubro de 1993 e tem como Instituidores a Prefeitura Municipal de Itabira, a Câmara Municipal de Itabira, a Vale e a Diocese de Itabira/Coronel Fabriciano. A FUNCESI é uma Instituição comunitária e regional, reconhecida pelo Governo Federal. Sua implantação está relacionada à história do Ensino Superior em Itabira, que teve início em 1968, quando um convênio celebrado entre a Sociedade Mineira de Cultura e a Fundação Itabirana Difusora de Ensino (Fide) fez nascer o compromisso de criar e manter, em Itabira, a Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Santa Maria, braço da Universidade Católica de Minas Gerais, que manteria cursos de Licenciatura em Ciências, Letras e Estudos Sociais. Seis anos depois, tendo a FIDE como mantenedora, a Faculdade de Ciências Humanas de Itabira, supria o mercado regional com professores para o Ensino Fundamental e Ensino Médio, tendo reconhecidas as Licenciaturas em Língua Portuguesa, Inglesa e suas Literaturas, Geografia, História, Biologia e Matemática.

No princípio da década de 90, porém, a FACHI enfrentava séria crise. A única Escola de Ensino Superior de Itabira corria o risco de ser fechada. Diante dessa possibilidade, os professores, os alunos da FACHI e a comunidade itabirana, liderados pelo então Bispo Diocesano, Dom Mário Teixeira Gurgel, se mobilizaram para discutir o destino da FACHI. Era necessário, não apenas mantê-la, mas também ampliar a oferta de cursos, projetando perspectivas positivas para a população do município e da região.

Foi então, que no dia 21 de setembro de 1993, mais de 500 cidadãos itabiranos e autoridades representativas do município se reuniram na Catedral de Nossa Senhora do Rosário (Itabira), com o objetivo de buscar soluções que tornassem possível a continuidade da Faculdade. Este dia marca o lançamento da semente que faria nascer a FUNCESI.

Em 5 de outubro do mesmo ano, em solenidade realizada no Teatro da Fundação Cultural Carlos Drummond de Andrade, foi instituída oficialmente a Fundação Comunitária de Ensino Superior de Itabira, a FUNCESI, com o objetivo de administrar e ampliar a oferta de novos cursos superiores para Itabira e região. Na mesma solenidade, foram compostos o Conselho Curador, e o Conselho Fiscal da nova Fundação e firmado o compromisso de seus Instituidores com o desenvolvimento da Funcesi. Plantada a esperança, o caminho estava pronto... Era só seguir!

Atualmente a Instituição oferece 06 cursos de graduação: Administração, Direito, Engenharia Ambiental, Engenharia Civil, Engenharia de Produção, Fisioterapia, abrigados em duas Faculdades (FACHI - Faculdade de Ciências Humanas de Itabira e FACCI - Faculdade de Ciêcias Administrativas e Contábeis de Itabira).

O privilegiado corpo docente das Faculdades e o talento de seus alunos são garantia de uma produção científica e acadêmica sólida. A Instituição proporciona um ensino superior com características inovadoras para Itabira e região, alcançando aproximadamente 40 municípios.

Desde o seu primeiro instante, a Instituição assumiu a conformação de uma Instituição Comunitária, ou seja, ela é fruto de iniciativas essencialmente comunitárias e oferece serviços educativos sem fins lucrativos. Os resultados financeiros positivos são reaplicados na melhoria da qualidade de suas atividades educacionais. Seu patrimônio não pertence a um grupo privado, mas à comunidade, cuja totalidade dos bens se reverte para o seu crescimento e desenvolvimento. Seus balanços são de domínio público, sendo, após análise e aprovação internas, submetidos a auditores independentes, ao seu Conselho Curador e seu Conselho Fiscal e à aprovação do Ministério Público.

A atuação da FACCI e da FACHI não se dá somente nos cursos de graduação. Ambas desenvolvem atividades de extensão voltadas à complementação curricular, educação permanente e ao desenvolvimento de pesquisas e projetos aplicados, objetivando a interação entre instituições de ensino, governo, setor produtivo, terceiro setor e a comunidade em geral.

A instituição tem gerado impactos positivos na cadeia produtiva de Itabira, impulsionando o desenvolvimento de vários segmentos locais e influenciando positivamente na construção de novos cenários para a economia local e regional.