quinta, 23 maio 2019 10:16

II Seminário em Comemoração ao Dia do Enfermeiro na FUNCESI

Apresentação cultural, painel com ex-alunos e exposição de pôsteres foram algumas das atividades do II Seminário em comemoração do Dia do Enfermeiro

Aconteceu dia 14 de maio, no auditório da FUNCESI, o II Seminário em Comemoração ao Dia do Enfermeiro, evento que está se tornando uma tradição na grade da Instituição. E esse ano teve uma motivação extra ao reunir, num grande painel, ex-alunos da turma de 2009 do curso de Enfermagem Kézia Costa Rodrigues, Ismar João Cândido, Patrícia Sales Costa Moreira e Kênia Isabel da Silva Penna, mediado por Thereza Cristina Oliveira Andrade Horta, conhecida por Terezão e ex-professora da turma. No painel discutiu-se o mercado de trabalho em enfermagem.

Para Márcia Rosário de Souza Guerra, coordenadora do curso de Enfermagem da FUNCESI, o II Seminário é um evento muito importante. “Pela participação dos alunos que estão cursando enfermagem, por ser uma profissão do cuidar, e porque hoje estamos aqui com a presença de alunos que formaram em 2009, as primeiras turmas do nosso curso”, disse.

“O envolvimento dos alunos que formaram há dez anos, com os alunos que estão cursando agora, é bem interessante e o objetivo do seminário foi esse, saber dos alunos que formaram aqui, qual foi a importância acadêmica para eles, qual a trajetória profissional deles e como a formação acadêmica contribuiu para essa trajetória profissional”, explicou.

Thereza Cristina Oliveira Andrade Horta, Superintendente de Vigilância em Saúde da Secretaria Municipal de Saúde de Itabira, representou a prefeitura no evento. Mas não apenas isso. “Fui convidada, inicialmente, como ex-professora dessa turma que está aqui hoje, da turma que formou em 2009. Dez anos depois vamos fazer uma mesa redonda para discutir as experiências de cada um”, pontuou.

“E isso é muito importante, resgatar a presença desses ex-alunos que hoje são profissionais bem sucedidos, que estão representando a enfermagem e num dado momento importante que é o mês de maio, que é o mês no qual se comemora o Mês da Enfermagem”, lembrou Thereza.

Além do painel “Mercado de Trabalho em Enfermagem”, o II Seminário em Comemoração ao Dia do Enfermeiro também contou com apresentação do violinista Nathan Melo Gazeta, ex-aluno da FUNCESI, de uma palestra intitulada “Marketing Profissional”, a cargo da Life Coach itabirana Lidiane Alves Cunha e de uma exposição de pôsteres e exibição de vídeo produzido pelos alunos do 3º Período na área de Pilotis do Prédio Amarelo.

Depoimentos dos painelistas

“A passagem pela FUNCESI foi muito importante para a minha formação profissional. Foram momentos de intensos aprendizados e situações vivenciadas que me qualificaram para ser um profissional melhor.  Tivemos professores exemplares, tanto na dedicação quanto no empenho de ofertar disciplinas mais próximas da realidade. O convite para falar da trajetória como aluno, das dificuldades, alegrias e sucessos na inserção do mercado de trabalho para os alunos da instituição foi muito emocionante, validou todo o esforço e dedicação a formação”.

“Somos especialistas no cuidado, fazemos parte de uma equipe multiprofissional de assistência direta ao paciente, mas, precisamos  nos organizar melhor e lutar por uma maior valorização da profissão, das condições de trabalho, de um piso salarial e jornada de trabalho mais dignos” - Ismar João Cândido, Enfermeiro Supervisor da Unidade de Emergência da Fundação Hospitalar de Minas Gerais/Hospital Julia Kubitschek e Especialista em Políticas e Gestão em Saúde da Secretaria do Estado da Saúde/Gerência Regional de Saúde de Itabira.

 “Passei pela FUNCESI de 2005 a 2009 e foi um período muito intenso na minha vida, nunca tinha frequentado ambiente acadêmico antes e a diferença de idade entre meus colegas e eu era, em média, 10 anos. Precisei me adaptar rapidamente para não me distanciar dos outros, mas foi muito gratificante. Os professores eram experientes e tinham sempre muita bagagem para repassar aos alunos, o que me fazia sentir segura. Ao ser convidada para participar do painel me senti muito feliz e honrada. Foi uma noite muito especial poder rever colegas e professores e saber que eles nos acompanham e se sentem orgulhos do que me tornei. Isso não tem preço”. 

 “A enfermagem é e sempre será a arte do cuidar do outro seja ele próximo ou não. Espero apenas um reconhecimento profissional das esferas federais a respeito de redução da carga horária de trabalho e da fixação do teto salarial para que os profissionais não sofram tanto para realizarem o que mais amam. Agradeço de coração à FUNCESI pela oportunidade ímpar de poder falar sobre minha profissão. Isso é tão raro hoje em dia que se tornou um dia memorável em minha vida” - Kênia Isabel da Silva Penna, enfermeira no Pronto Socorro Municipal de Itabira. 

Leia 239 times

Receba informações